domingo, 29 de janeiro de 2012

09/12/10 - Munique e o frio .. V Dia

O dia mais frio de todos!!!
Faziam 10 graus negativos, mas a sensação térmica era de temperatura mais baixa.

De Moosach fomos para Dachau, que foi o primeiro campo de concentração da época nazista.
Existe um tour que se chama Memorial do 3° Reich.
O campo é conservado no intuito de que todos se lembrem do que ocorreu nesse periodo.
Por mim, não iria visitar o lugar. Mas o meu marido, tem profundo interesse pela história européia.
E para ele, não há como desconsiderar esse momento histórico.

Esse campo foi construido para presos politicos,no periodo em que Hitler havia sido nomeado Chanceller em 1933.
Foi o modelo para os demais campos espalhados na Europa, que viriam posteriormente.
Quem administrava era SS(Tropa de elite de Hitler), no qual servia como "escola de formação".
Foram 12 anos em funcionamento, com todos os tipos de atrocidades possiveis, imaginaveis e inimaginaveis cometidos.
A libertação dos prisioneiros se deu com a chegada das tropas americanas em Abril de 1945.
Entrada do campo de concentração, atualmente transformado em museu.
Muita coisa permaneceu, e foi transformado em museu, de onde se é contada toda sua historia.
Assistimos o vídeo emocionante da libertação dos sobreviventes.
O museu ainda conta toda transição da Alemanha, antes da primeira guerra até o final da segunda.
Diversos fatos e vastos materiais que nos fazem situar e compreender o nascimento, a ascenção e a queda do regime nazista.

Uma das fotos da época já dentro do campo de concentração.
Muro em homenagem aos que pereceram em Dachau.
Muito triste!! Chorei por diversas vezes, por ver e presenciar o quanto o ser humano pode corromper o carater e a virtude.
As vezes havia a sensação de sentir e ouvir a dor das pessoas que viveram ali.

Este memorial foi estabelecido em 1965.
Conserva boa parte do que existiu na época.
Possui em seu interior diversos templos religiosos, aonde de acordo com seu credo, se pode prestar homenagem as vitimas.

O campo é imenso, e fazia um frio danado.
Não entrarei em detalhes do que vimos.
Mas entendam essas linhas como um ato solidario para todas aquelas familias.
E um alerta contra a tirania, a intolerancia e a falta de respeito para com os semelhantes.
Foi um dia de emoções intensas, uma das experiencias mais marcantes e intensas que vivi.

Ja estava escurecendo quando pegamos o trem.
Nos dirigimos para o centro de Munique.
Tentamos ver mais algumas igrejas, mas não tivemos sucesso pela hora.
Fizemos compras e retornamos para o Hotel


Nenhum comentário:

Postar um comentário